sexta-feira, 14 de setembro de 2007

Jornada 6




Sábado, 15




Everton x Manchester, às 12.00
Confronto interessante, entre o Everton, actual 3º classificado, e o campeão em título, que procura recuperar terreno perdido nas primeiras jornadas. Vida difícil para os jogadores de Ferguson, pois se é certo que venceram os dois últimos jogos, também é verdade que a qualidade do futebol apresentado levanta muitas dúvidas quanto à capacidade dos red devils conseguirem manter o ceptro nacional. Na frente de ataque do Everton, destaque para o novo reforço, o nigeriano Yakubu, fazendo parelha com o não menos perigoso Andy Jonhson. No United regressa Cristiano Ronaldo, após castigo.

Portsmouth x Liverpool, às 12.45
Mais um excelente jogo em perspectiva, com o Portsmouth disposto a fazer a vida difícil aos comandados de Benitez. Este, a 3 dias do embate inaugural da Champions, frente ao Porto, procederá a diversas alterações na equipa, comprovando também a excelência do plantel, que lhe permite esta rotatividade. Motivados pela liderança, com um jogo a menos e vindos de um resultado expressivo frente do Derby, será uma tarefa árdua para os comandados de Harry Redknapp conseguirem suster a máquina vinda da cidade dos Beatles.

Tottenham x Arsenal, às 13.30
É um derby, e está tudo dito. Aliás, é um derby londrino, o que apimenta ainda mais a questão. Numa jornada em que os jogos colocam frente a frente contendores de qualidade, este é um jogo que não foge à regra. No lado dos da casa, a pressão é assustadora. Coleccionando surpreendentes derrotas, o 5º classificado da última época vê-se confrontado com a necessidade imperiosa de vencer. O fim da linha para Martin Jol poderá chegar com o apito final do árbitro, se o espectro da derrota assolar White Hart Lane. Pela frente, um adversário relaxado, ciente da qualidade que tem no seu plantel, motivado pelo actual 2º lugar, a par do Liverpool, também com um jogo a menos, e a efectuar um arranque digno dos pergaminhos do clube. Incerteza no resultado, num daqueles jogos que tornam o nome da Premier League mítico. A não perder...

Birmingham x Bolton, às 15.00
Jogo entre dois aflitos. Se o primodivisionário Birmingham esperaria, por certo, estar numa situação aflitiva, o Bolton, emblema histórico nos últimos anos, deve estar surpreendido pelo actual penúltimo lugar que ocupa. Orfãos do carismático treinador Sam Allardyce, ainda não encontraram o caminho certo para a regularidade exibicional. Curiosidade em saber se Anelka, o melhor marcador da Premier, continua a marcar, nos visitantes. Já os visitados, treinados por Steve Bruce, têm uma oportunidade soberana de somarem 3 preciosos pontos.

West Ham x Middlesbrough, às 15.00
Duas equipas em bom momento de forma. Depois de um péssimo início de época, o Middlesbrough não perde desde a 2ª jornada, conquistando 7 pontos nos últimos 3 jogos, com Mido a assumir-se como um reforço de peso. Na equipa da casa, a revolução efectuada no plantel, após a salvação milagrosa na temporada transacta, parece ter surtido efeitos benéficos. 7 pontos em 4 jogos e muita ambição no relançar do clube londrino na luta por um lugar europeu. O rebelde Craig Bellamy, já recuperado da lesão que o atormentava, promete trabalho redobrado à defensiva visitante.

Sunderland x Reading, às 15.00
Mais dois aflitos, com o memo número de pontos - 4 - num confronto emotivo, em que cada lance será disputado com enorme ardor. O Sunderland, novato nestas andanças, soma 3 derrotas consecutivas, depois de ter amealhado o total de pontos que possui nas duas primeiras jornadas. O Reading, ainda aureolado pelos elogios de equipa sensação da temporada anterior, entrou com um empate em Old Trafford, mas sem conseguir, após esse feito, manter a regularidade exibicional. Resultado imprevisível, mas com o favoritismo, ténue, a cair na equipa da casa.

Wigan x Fulham, às 15.00
O Wigan, navegando em águas calmas, com 7 pontos e um futebol coeso, deverá aprofundar a crise em que o emblemático clube de Londres se encontra caído. O Fulham, com 4 pontos, vem de um titânico embate frente aos vizinhos do Tottenham, onde conseguiu empatar dramaticamente no fim, após uma desvantagem de 2 golos. Moral em alta, mas muitas dificuldades neste edição da Premier League, que têm mantido apreensivos os seus adeptos. Aposte 1X e ganhará umas coroas, de certeza.

Chelsea x Blackburn, às 17.15
Mais um confronto intenso e com enormes motivos de interesse. Desde logo, para ver qual a capacidade de reacção do Chelsea, após a derrota que lhe foi infligida pelo Aston Villa. O adversário é que não será o ideal para uma jornada calma. Os Rovers encontram-se orgulhosamente invictos, 8 pontos em apenas 4 jogos, e um tridente atacante que tem feito miséria nas redes adversárias: Pedersen, Roque Santa Cruz e o velho conhecido de Mourinho, McCarthy. Belo jogo em perspectiva, reedição da meia-final da Taça de Inglaterra, na versão 2006/07. Sem Lampard e com alguns problemas físicos em jogadores nucleares, o Chelsea irá por certo encontrar enormes dificuldades pela frente.




Domingo, 16




Manchester City x Aston Villa, às 16.00
Regresso a casa da equipa de Eriksson, após duas jornadas consecutivas a jogar no reduto dos adversários, coleccionando também as duas primeiras derrotas da temporada e os dois primeiros golo sofridos. Nada que deva, contudo, abalar o bom trabalho que o Manchester City tem vindo a efectuar, com o bom futebol a aliar-se aos resultados, com a face visível nos 9 pontos já amealhados. Pela frente, o Aston Villa, moralizado pela derrota que impôs ao todo poderoso Chelsea, 7 pontos em 4 jogos, e muita ambição dos seus responsáveis em alcandorar o clube de Birmingham ao topo da classificação. 60 milhões de euros gastos num ano em contratações mostram bem o que se espera de Martin O'Neill e seus rapazes.
--------------------------------------------------------------------------------

3 comentários:

carlos magno disse...

Vai ser um sábado agarrado à TV, é o que é:)
Grandes jogos amanhã, em perspectiva, com os candidatos a jogarem todos e com elevado teor de dificuldade.

Abraço,

rui tavares disse...

Carlos, já somos dois, mas eu vou ter k aturar a patroa a resmungar:)
Mas atenção k o jogo de domingo é bem interessante.

Bom fim de semana,

joao almeida disse...

E o Chelsea sem o Lampard e Drogba? Como vai ser? Acho que vêm aí tempos dificeis para Mourinho e Cª.