quarta-feira, 8 de agosto de 2007

Candidatos ao título I


Os "gunners", pela sua história, assumem-se tradicionalmente como candidatos ao título. Continuando sob o comando de Arsene Wenger, a equipa sediada em Londres viu partir a estrela da companhia. Henry já pertence ao passado, numa equipa que terá, provavelmente, a melhor "cantera" em Inglaterra. Nomes ainda desconhecidos do grande público mas, para aqueles mais atentos ao fenómemo desportivo em Inglaterra, e que acompanharam a carreira da equipa na última edição da Taça da Liga, onde atingiu a final, já não provoca confusão ouvir falar em Denílson, médio defensivo brasileiro, Armand Traoré, defesa-esquerdo, Alexandre Song, imponente central, Justin Hoyte, capaz de jogar em ambas as laterais, Walcott, a surpresa que Eriksson reservou para a ida ao Mundial ou Alliadiére, "striker" francês, amadurecido nas reservas.

A palavra de ordem foi rejuvenescer. Atrás de Henry, também o sueco Ljungberg recebeu guia de marcha, mudando-se para o rival citadino West Ham. A única contratação, até à data, onde foram gastos 25 milhões, foi a do brasileiro, naturalizado croata, Eduardo, ponta-de-lança que terá a árdua tarefa de fazer esquecer Henry. Vindo do modesto Corácia Zagreb, o felino avançado tem todas as qualidades para vingar no exigente futebol inglês.

Em suma, qualidade parece não faltar para os lados de Ashburton Grove, mas numa temporada repleta de jogos, com a inexperiência do plantel, não me parece que o Arsenal consiga competir com os outros contendores, para a questão do título.

PLANTEL

1. Jens Lehmann
2. Abou Diaby
3. Bacary Sagna
4. Francesc Fabregas
5. Kolo Toure
6. Philippe Senderos
7. Tomas Rosicky
9. Eduardo Da Silva
10. William Gallas
11. Robin Van Persie
13. Alexander Hleb
15. Denilson
16. Mathieu Flamini
17. Alexandre Song
19. Gilberto
20. Johan Djourou
21. Lukasz Fabianski
22. Gael Clichy
24. Manuel Almunia
25. Emmanuel Adebayor
26. Nicklas Bendtner
27. Emmanuel Eboue
31. Justin Hoyte
32. Theo Walcott

1 comentário:

bruno pinto disse...

Paulo, parabéns por mais um blog e, à 1ª vista, com muita qualidade já.
Excelente a análise de uma equipa que, sinceramente, sempre admirei. Bons a formar jogadores, com belos executantes, poderá ser desta que Van persie expluda de vez, ele que tem qualidade suficiente para ser o grande "reforço" deste Arsenal.

Um abraço,